História

free portfolio website templates

Durante o último século, estas canoas garantiram a sustentabilidade da cidade de Lisboa, providenciando transporte de pessoas e bens. Cortiça, produtos frescos, sal e vinho eram transportados entre as duas margens do rio Tejo.
A sua longevidade é devida à grande durabilidade, segurança e confiança. Movidas pelo vento, elas trasmitem sensação de calma, serenidade e tranquilidade a bordo.

Mobirise
Mobirise





O Traje do Arrais

Entre 1825 e 1890, João Pedroso, viveu e retratou, com a sua arte das cores, fielmente, uma fragata do Tejo e os seus mareantes. (Felizmente tal preciosidade encontra-se guardada "in su sitium"). Tal gravura foi fotografada por Gustavo De Almeida Ribeiro e registada no livro "A Marinha, Lisboa e o Tejo" com textos de Paulo Santos.
Por reconhecimento e com o devido respeito que devemos a estes homens do Tejo, a Tejo ConVida™ vai utilizar como traje oficial a indumentária do arrais, tal como foi pintado pelo mestre pintor João Pedroso, na foto. Após exustiva pesquisa encontramos uma foto de um arrais com um traje igual a "preto e branco", na foto ao lado Graças a João Pedroso vamos escolher as cores corretas, e o barrete preto...